8 motivos para você sair do Facebook – definitivamente!

Há algum tempo, publicamos nosso especial com tudo o que você precisa saber sobre o Facebook. Um dos artigos que teve maior repercussão foi o dos 8 motivos pelos quais o Facebook não é uma boa ideia para crianças. Nele, explicamos porque pode ser arriscado que um menor de idade use a rede social mais popular do planeta.

Entretanto, depois de dar uma lida nos comentários, ficou uma pergunta: será que o Facebook é realmente legal? E mais: será que precisamos mesmo contar para os nossos amigos – e para todo o mundo! – o que “estamos pensando” a todo instante?

Se você também se faz as mesmas perguntas, continue a leitura e saiba porque você deve abandonar o Facebook já!

Ao escrever este artigo, confesso que tive que me segurar para não soltar alguns palavrões… Como você bem pode imaginar, tudo o que está escrito a seguir, no mínimo, deixa este pobre escriba totalmente fora de si… o.O.

1. Tudo é de mentira, superficial

Sim, é fato: no Facebook, tudo é tão artificial, tão mentiroso, que às vezes chega a dar pena do que lemos… Ainda mais quando você de fato conhece a pessoa do escritório ou da escola que postou “Dia maravilhoso na praia” e sabe que choveu, havia um trânsito danado, a praia estava abarrotada de gente e suja!

Isso sem dizer dos que estão felizes o tempo inteiro, dos que são ultrapopulares, dos que só estão em festa, dos que correm todas as maratonas do universo, enfim, a lista é infinita!

O Facebook é um convite ao simulacro, ao que é falso. Se é isso o que você quer para a sua vida – e para as suas relações – siga adiante…

2. Os Filósofos do Facebook

Daria até para ser um título de um livro… de horror!

Sempre tem alguém pronto para deixar uma mensagem de conteúdo pseudofilosófico para deixar o seu dia melhor e fazer você não refletir sobre como a sua vida é bela.

Simples: não é nada disso!

Quer entender a Filosofia, a origem da vida, do Universo, das relações interpessoais, etc.? Então beba diretamente da fonte: leia Nietzsche, Hegel, Kant, São Tomás de Aquino, Dalai Lama e, principalmente, o Jaguar!

Mas, por favor, esqueça bobagens como a da imagem acima: elas são apenas isso, bobagens!

3. Privacidade: se você quer tê-la, abandone o Facebook

Simples como dois mais dois são quatro!

O Facebook não é lugar para quem quer ter privacidade. Tanto é verdade que, há algum tempo, surgiu um boato sobre a falta de privacidade no Facebook.

Preste atenção na imagem abaixo:

Se você não sabe como configurar a privacidade no Facebook, qualquer coisa que você publicar será aberta para que qualquer pessoa possa ver.

Ou seja, faltou no trabalho para pegar uma praia e postou a maldita típica foto dos pezinhos na areia? Torça para que nenhum colega do trampo dê com a língua nos dentes…

4. As pessoas, em geral, não têm bom senso

Triste, mas verdade. Sempre vai existir alguém pra chutar o balde e publicar algo indesejado. E pior: a não ser que você esteja no Facebook o dia inteiro, uma vez que o estrago for feito, vai ser difícil arrumar.

Quer um exemplo? Então dá uma olhada nesta imagem, publicada pelo Pérolas.com:

Pois é… Não há muito o que falar…

Além deste tipo de “deselegância”, também pode acontecer de publicarem fotos suas sem a sua permissão, escreverem bobagens no seu mural, etc.

Outra coisa chata: sempre tem aquela pessoa que não tem a menor noção de discrição e atravessa nos comentários, faz as chamadas “piadas internas” para parecer íntima e simplesmente acaba com a interação…

Então, já sabe: quer privacidade? Caia fora do Facebook.

5. Aniversários

Comecemos com uma imagem:

Sério… Sério… Eu juro que essa imagem é real: a pessoa publicou um miserável “Parabéns!” quatro, QUATRO vezes no mural do pobre aniversariante!

Eu confesso que não consigo guardar datas de aniversário – a não ser de pessoas muito próximas – e o Facebook é uma ótima maneira para lembrar destas datas.

Agora, se você conhece a pessoa de verdade, PEGUE O MALDITO TELEFONE E LIGUE PARA ELA! Publicar uma mensagem qualquer no mural do Facebook é a coisa mais fria que você pode fazer.

E tenho dito!

6. Conteúdo desinteressante

O sexto motivo pode ser muito parecido com o primeiro e com o quarto, mas tem uma diferença fundamental: não é só porque você acha que alguma coisa é legal, que os outros também vão achar.

Quer um exemplo? Então aí vai:

Você pode até achar o conteúdo interessante. Eu acho, com certeza. Agora, se o artigo ainda não está no ar, se não existe um link, uma imagem ou um vídeo, para quê eu vou publicar essa baboseira?

E isso acontece com praticamente todos nós – é claro que eu me incluo nessa! Simplesmente, porque existem momentos em que não temos nada interessante para publicar, para falar.

E falando em filósofos do Facebook, já dizia Renato Russo: “Fala demais por não ter nada a dizer!”

Mais sábio, impossível.

7. O Facebook deixa você mais triste

Não duvide disso.

Um estudo (em inglês) publicado no site Plos One pela Universidade de Michigan , Estados Unidos,  garante que as pessoas, ao contrário do que se imagina, não sentem bem-estar ao usar o Facebook com frequência. Faz sentido…

Tal estudo foi feito com mais de 80 jovens adultos, que passaram por vários tipos de testes, e as conclusões são categóricas: quanto mais tempo você fica no Facebook, pior você se sente. Isso não inclui o chat ou o vídeo, que têm um pouquinho mais de emoção – para dizer alguma coisa…

8. Pessoalmente é mais legal

Claro que é! Quando você encontra gente pessoalmente, usa os cinco sentidos o tempo inteiro. No Facebook não tem nada disso: é a tela, o teclado e o mouse.

Pô, será que você tem tão pouco tempo que não pode sair com os amigos, dar um passeio, fazer um churrasco ou pegar uma praia sem estar no Facebook? Tenho certeza que sim…

O problema é que uma ilusória “Facebook-dependência” tem sido criada na cabeça das pessoas e isso tem um preço: estamos perdendo a nossa capacidade de nos comunicar, de interagir, de sermos sociais! Não é um paradoxo?

Estamos deixando de ser sociais por conta de uma rede social! Corra, Lola, Corra!

E aí, convencemos você? Se sim, saiba como fechar a sua conta no Facebook e comente o porquê da sua decisão!

Carregando comentários