Far Cry 4: De volta ao país fatal [Preview]

O Far Cry 4 é o capítulo mais recente da famosa saga do jogo de ação da Ubisoft. Depois de um excelente terceiro episódio, os fãs da série esperam com impaciência o novo título.

Eu acompanho a franquia de Far Cry muito de perto desde o primeiro episódio desenvolvido pela Crytek. Completamente reinventada com o excelente Far Cry 3, a saga encontrou uma segunda vida. Em uma verdadeira demonstração técnica, o atirador nos convidou para embarcar em uma aventura no sudeste da Ásia, em um arquipélago idílico sob controle de um traficante de drogas totalmente louco.


Neste ano, a equipe da Ubisoft nos leva para as montanhas nevadas do Himalaia com seu último jogo de tiro em primeira pessoa. Eu tive a oportunidade de experimentar duas missões da campanha solo de Far Cry 4 na Gamescom 2014.

Uma viagem ruim de iniciação

Far-Cry-4-Preview

Um dos demônios contra o qual eu tive que lutar em Shangri La

O primeiro nível que eu experimentei rolava na terra mítica de Shangri La. A bad trip e a viagem deste nível de sonho estavam em linha com os delírios alucinantes de Far Cry 3.

Nas cinco campanhas solo, estes episódios são acionados quando o personagem principal entra em contato com os thangkaspinturas de rituais, que permitem reviver a história de um lendário guerreiro da mitologia do jogo.

Nesse universo alternativo, as paisagens realistas estão revestidas em tons de laranja fluorescentes e auré0las iluminadas. Um primor de combinações de cores.

De volta para o país fatal

Rapidamente, eu entendi que, nesta aventura alucinante, o herói deve defender o santuário de Shangri La contra demônios horríveis escondidos. Suas armas? Um adaga de ritualarco, flechas ilimitadas e um sublime tigre branco domado.

Tigre branco de Far Cry 4 pode ser usado como arma

Meu companheiro felino me ajudando...

Ao pressionar um botão, eu posso chamar meu feroz animal de estimação para pular sobre os meus inimigos, enquanto jogo uma tonelada de flechas neles.

Muito agradável, original e renovador, a partidinha causou uma forte impressão. Ação frenética, gráficos bonitos, mecânica inovadora, níveis com uma arquitetura complexa… O Far Cry 4 arrasa! O título da Ubisoft continua o impulso que começou com o iconoclasta Far Cry 3 e a extensão Blood Dragon para sacudir os jogos de tiro em primeira pessoa.

Alturas elevadas

O segundo nível que eu joguei me transportou para as alturas de Kyrat, o país imaginário onde acontece a ação principal. Desde os primeiros segundos, eu percebi que os soldados inimigos não eram a principal ameaça, pois neste ambiente hostil, o próprio ambiente é um adversário forte.

O nível começou com meu personagem dando um salto vertiginoso usando a wingsuit, um macacão com asas para planar por longas distâncias. Entre eu e a base militar a atacar, um abismo vertiginoso de várias centenas de metros… Um pouco exagerado como boas-vindas!

Far Cry 4

O abismo que eu tive que voar com o wingsuit. Brrr…

Depois de várias tentativas frustradas, finalmente consegui passar pelo terrível obstáculo. Eu estava em um acampamento ocupado por soldados inimigos.

O objetivo da missão era simples. Assim como em Far Cry 3, eu precisava libertar o acampamento de todas as forças inimigas. Mas desta vez, tinha que enfrentar o ambiente hostil de Kyrat.

Clima e altitude desempenham um papel na jogabilidade e o herói do jogo sofre uma grande falta de oxigênio nas áreas de altitude elevada. Uma variável que deve ser levada em conta antes de começar as batalhas. E, claro, a fauna selvagem de Kyrat também vai complicar sua vida!

Animais selvagens de Far Cry 4 não estão para brincadeira

Os animais selvagens nem sempre vão estar ao seu lado…

Não podemos esquecer dos soldados inimigos, que estão com novos recursos de deslocamento semelhantes aos do herói. Agora seus oponentes podem saltar os abismos transversais e até mesmo escalar para empurrar você do telhado de uma cabana. Uma novidade que pode complicar para os fãs que gostam de ficar mais escondidos e furtivos.

Jogo para adultos

O Far Cry 4 leva os jogadores a sério. Os dois níveis que joguei durante a minha sessão de testes apresentam conceitos e mecânicas que poderiam desestabilizar os fãs de FPS tradicional.

Mais uma vez, a Ubisoft parece pronta para agitar o status quo vigente na categoria (nos lembramos dos cenários de vários níveis do jogo Far Cry 3) para criar o elemento surpresa.

Um pouco como o Bioshock Infinite e, antes dele, o Far Cry 4, leva até as alturas para explorar melhor as profundezas insondáveis da alma humana. Um convite à aventura e, provavelmente, uma nova obra-prima da Ubisoft.

O Far Cry 4 vai sair para PC, PlayStation 4, PlayStation 3, Xbox One e Xbox 360 no dia 18 de novembro 2014. Enquanto isso, convido você a descobrir outro grande jogo de ação do final do ano, Call of Duty: Advanced Warfare, lendo nossa preview do modo multiplayer.

[Artigo original em francês]

Carregando comentários