Vire um DJ usando seu tablet Android

Entre os aplicativos para improvisar como DJ, alguns se destacam no Google Play. Testamos e comparamos os três melhores atualmente: Cross DJ, DJ Studio 5 e eDJing. Todos estão disponíveis gratuitamente.

Munido de um tablet Nexus 10, coloquei esses aplicativos à prova. Os critérios utilizados foram os seguintes: qualidade de interface, eficiência do sistema de áudio ao sincronizar músicas automaticamente, quantidade e qualidade de efeitos, número de faixas disponíveis e estabilidade.

Qualidade geral da interface

Mais do que em outros tipos de programas, a qualidade da interface é determinante. Por quê? Porque o DJ deve acessar rapidamente todos os menus, botões e indicadores à disposição, sob pena de se perder no meio do processo.

Com relação a isso, o Cross DJ vence os concorrentes com sobra. Sua interface tem botões adequados a dispositivos táteis e fornece informações importantes de primeira. Por isso, é bastante fácil de entender.

Interface do Cross DJ é bem intuitiva

A equipe da MixVibes, responsável pelo Cross DJ, adaptou muito bem a interface do programa

Para ilustrar o bom resultado do Cross DJ, veja a interface do DJ Studio 5. Os botões e menus são pequenos e pouco visíveis, a tela principal é quase desnecessária e, por último, o formato de leitura é bem inadequado, com sistema de rolagem.

Botões e menus do DJ Studio 5 são pouco visíveis

No DJ Studio 5, a exibição da vitrola não tem muita utilidade, já que não é possível controlar o disco com os dedos

O eDJing fica no meio do caminho. A interface tem dois inconvenientes de peso: falta um indicador preciso de pitch e uma ferramenta para sincronizar a união de duas faixas – problema também visto no DJ Studio 5. Neste último caso, a visão de músicas durante a reprodução, no topo da tela, não mostra os momentos mais calmos da canção, ideais para serem misturados com outra faixa.

Interface eDJing não exibe as ondas sonoras da música

A qualidade da interface do eDJing é medida em comparação com outros programas profissionais

Nosso vencedor: Cross DJ, que apresenta uma interface quase tão bem produzida como a do Traktor DJ para iPad.

Eficiência do sistema de áudio

O sistema de sincronização tem um papel fundamental neste tipo de aplicativos. É graças a ele que a magia acontece. Ao pressionar o botão Sync, os graves e agudos de uma música são alinhados com a outra canção. Nesse momento a mixagem fica mais agradável aos ouvidos e não uma confusão sonora.

Recurso de sincronização é fundamental em programas de mixagem

Isso é tão importante neste tipo de aplicativo por duas razões: em primeiro lugar porque, conectando os fones ao tablet, você não terá retorno nem a possibilidade de escutar a mixagem antes de reproduzi-la ao vivo. Neste caso, apenas os indicadores visuais podem dar uma ideia do mix em reprodução. E você já sabe que eles são pouco práticos.

A segunda razão que justifica a importância da sincronização em um aplicativo deste tipo são os botões para controlar o tempo da canção – pitch, em inglês – que geralmente ruins, pois estão pouco adaptados às telas táteis e/ou mal posicionados.

Destes três aplicativos de mixagem para Android, o Cross DJ é o app com melhor esquema de sincronização. É difícil encontrar falhas nele com relação a este ponto. A função de sincronização funciona redonda, sem problemas. E isso não é um golpe de sorte: sua desenvolvedora MixVibes trabalha há mais de 15 anos nesse campo.

Na segunda posição, encontramos o eDJing, que, de modo geral, cumpre sua missão, mas às vezes tem dificuldade de reconhecer o tempo exato de uma canção. Ainda apreciamos o fato de o botão de sincronização ficar vermelho quando as pistas não seguem o mesmo tempo.

Finalmente, o DJ Studio 5 fecha o pelotão. A função automática de sincronização não é nada confiável.

Nosso vencedor: de novo o Cross DJ

Quantidade, qualidade e relevância dos efeitos sonoros

Para se autoproclamar DJ, não é suficiente mixar duas músicas que soem bem juntas. A generalização da sincronização automática oferece mais tempo ao DJ para adicionar efeitos à pista de áudio final.

E qual é, entre esses três aplicativos, o que oferece os efeitos de som de melhor qualidade? A resposta segue abaixo.

Além das definições tradicionais de agudos, médios e graves, o Cross DJ oferece dois efeitos principais: o LowPass, que destaca as baixas frequências da música, e uma espécie de caixa de ritmos simplificada para criar loops a partir de medidas específicas. Todos os outros efeitos devem ser comprados no próprio app.

Efeito LowPass do Cross DJ é um utilitário eficiente para a ediçãoO efeito LowPass do Cross DJ, simples e bastante eficaz

Mesmo que sejam poucos, os efeitos do Cross DJ se destacam entre os concorrentes. A qualidade sonora se mantém e o sistema de áudio desenvolvido pela MixVibes dá seus melhores resultados ao criar loops. O resultado final é agradável, simples e estimula a compra de outros efeitos.

Acaba sendo difícil voltar ao DJ Studio 5, que tem a maior quantidade de efeitos, mas sem tanta qualidade.

O painel de controle, por exemplo, é de difícil acesso. Os botões foram mal pensados e são difíceis de controlar. O resultado sonoro é ruim no geral, consequência de um sistema com pouca qualidade. Para conseguir boas mixagens, aconselho usar apenas os botões de agudos, médios e graves da seção EQ.

O app eDJing fica com o segundo posto. O lugar reservado para as variações sonoras é mal pensado e os ícones dos efeitos são incompreensíveis, com um botão para criar loops particularmente esquisito.

Reconhecer o ícone de equalização é fácil, já os outros...

Reconheço sem problemas o ícone do equalizador, mas os demais…

Quanto à eficiência, está mais próximo do Cross DJ. A qualidade sonora não está muito deteriorada e o motor de áudio permite algumas brincadeiras, mesmo que se tenha as mesmas sensações obtidas com o Cross DJ.

Nosso vencedor: Cross DJ de novo…

Catálogo de títulos disponíveis

Esta seção está dedicada unicamente ao eDJing. É o único aplicativo capaz de acessar sites de streaming de músicas. Você pode associá-lo com o Deezer e Soundcloud. Uma vantagem importante pelo amplo catálogo de tecno e eletrônica.

eDJing é capaz de usar o catálogo do Deezer e SoundCloud

Com o eDJing, você pode mixar todas as pistas públicas do Soundcloud

Embora o eDJing para Android não consegue pré-visualizar as listas de reprodução, ele consegue buscar o conteúdo diretamente no Soundcloud e carregar a faixa na mesa virtual. O único fato a ser lamentado é a conexão com os serviços de streaming: ainda está longe de ser confiável ou estável.

Nosso vencedor: eDJing

Estabilidade geral do aplicativo

A estabilidade pode ser o que diferencia um app profissional de um para passar o tempo. Em meio a uma atuação, não dá para permitir qualquer acidente.

Com o Cross DJ, sofri algum bloqueio inesperado do app em momentos de grande demanda técnica. De resto, o Cross DJ funcionou sem erros.

O eDJing teve problemas, sobretudo, ao carregar canções oriundas do Soundcloud.

O DJ Studio 5 é o único que deu apenas um problema. Assim, trata-se de sua principal vantagem.

Nosso vencedor: DJ Studio 5

Nossos resultados

Resultado final da comparação

Se deseja ter apenas um app de DJ no seu tablet Android, escolha o Cross DJ e esqueça os demais. O app da MixVibes é superior ao eDJung e ao DJ Studio 5 em quase tudo e possui um sistema de áudio que funciona muito bem no Android.

O vídeo promocional fala do “primeiro aplicativo profissional para DJ no Android”, mas seria mais correto falar do primeiro e app de DJ autenticamente criado para Android.

[Artigo original em francês]

Leia também:

Carregando comentários